Skip to content

Românico de Coimbra

As igrejas do foco de Coimbra, caracterizado pelo emprego do calcário, distribuem-se por três fases: a mais antiga (condal) é do primeiro terço do século XII; com típicos capitéis de animais foi representada pela Igreja de S. João de Almedina e Colegiada de S. Pedro, cuja influência chegou a Entre Douro e Minho (Rates, S. Pedro das Águias e S. Martinho de Mouros). A segunda (afonsina), influenciada pela arquitectura de Auvergne, engloba as Igrejas de Santa Cruz, a Sé Velha, S. Salvador e outras (século XII). Finalmente, a terceira fase (sanchina) é a de Santiago de Coimbra e S. Pedro de Leiria.

Almeida, 1976:19-21

Sé Velha de Coimbra

Santiago de Coimbra

%d bloggers like this: